quarta-feira, 13 de julho de 2011



(inventado)
Este deve ser só mais um daqueles inúmeros textos sem fim que jé te escrevi mas que nunca les-te. Nunca te falei deles, é verdade, mas também não foi por mal apenas pensei que uma pessoa como tu nunca se iria interessar por meros textos meus.
Ultimamente tenho pensado muito sobre nós e até onde "isto" que nem sei bem o que é nos vai levar. Como sempre te disse e continuou a dizer eu gosto verdadeiramente de ti e tenho muito, mas mesmo muito medo de te perder. Isto, porque podes ter todas as raparigas que quizeres e escolheste-me a mim, por vezes ainda penso que isto tudo não passa de um sonho, um lindo e maravilhoso sonho. Hoje como em tantos outros dias estivemos juntos e como sempre foi tudo tao perfeito, aliás, contigo é sempre tudo perfeito que até parece que estou a sonhar. Estivemos no nosso jardim onde tudo começou, fazes-me sentir tão bem, a pessoa mais amada á face da terra. Ainda nem á uma hora me despedi de ti e já estou a morrer de saudades tuas, saudades dos teus abraços, dos teus beijos, das tuas mãos entrelaçadas nas minhas, de tudo, mas principalmente tuas. As minhas amigas dizem ter inveja de mim por eu ter um namorado como tu, como elas dizem o melhor do mundo. Mal entrei em casa mandei-te uma mensagem a dizer que te amava mais do que ontem e muito menos do que amanha, a agradecer a tarde maravilhosa que passamos e a dizer que eras o melhor namorado do mundo, que eras o homem da minha vida, e tu respondeste-me com uma mensagem mil vezes melhor dizendo que eu era a rapariga dos teus sonhos, a mulher da tua vida e que nunca me querias perder e que ainda sentias o meu cheiro na tua roupa e que adoravas. São estas pequenas coisas que para algumas pessoas podem ser insignificantes mas que para mim não são e que me fazem cada vez gostar ainda mais de ti.
Amo-te e não te quero perder,

                                                                                                          sempre tua ♥

12 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Adoro os teus textos! E pronto, já sabes que este também está fantástico tal como tu.
    Se estivesse na mesma situação farias o mesmo por mim. Tenho a certeza que também me darias todo o apoio e ombro amigo que tanto iria precisar. :)

    ResponderEliminar
  3. Mas escreves muito bem, é o que importa. :)

    ResponderEliminar
  4. Julgo que isto é um pouco de cada um.
    Não é para ninguém em especial, mas tudo aquilo acontece comigo. E creio que acontece com todos.

    ResponderEliminar
  5. Oh! Já estava com saudades tuas minha linda. (:

    ResponderEliminar
  6. Adorei o texto :)
    Sigo*

    http://soraia-omeudirio.blogspot.com/

    ResponderEliminar