quarta-feira, 15 de agosto de 2012


É triste quando temos de voltar a sítios onde outrora já nos rimos e fomos felizes, mas que da última vez nada disso existiu e onde só houve lugar para tristeza e lágrimas. Hoje foi um dia desses. Os cerca de vinte minutos que distanciam Ponte da Barca de Godinhaços foram quase como um déjà-vu. Sabia perfeitamente que já quase nada estava como eu me lembrava, mas agora era muito mais real. Duas pessoas tinham “desaparecido” e não iam voltar. Na verdade foram três, mas apenas duas delas, de certa forma, tinham feito parte da minha infância. As quais já eram quase como uns terceiros avós para mim. Primeiro, foi um no verão e a esse presenciei tudo, a tristeza da minha madrinha e do pai dela. Para mim, ele era aquele tipo de pessoa alegre que estava quase sempre a sorrir, e foi difícil vê-lo como estava. Soube á pouco tempo que quando a minha madrinha veio passar o natal a Portugal, o pai dela, que já estava muito doente na altura perguntou «o P. não vem cá passar o natal?». Não fomos, e agora uma parte de nós arrepende-se porque, agora, nunca mais o voltaremos a ver. É triste saber que morreram os dois do mesmo e de forma dolorosa. A parte “boa” (se é que ela existe) de não ter lá estado e que a última vez que o vi, estava a esboçar um sorriso, mesmo que por muito pequeno que fosse, e agora é assim que me lembro dele.

8 comentários:

  1. estiveste pelo Norte, eu vivo em Arcos de Valdevez :) quanto ao texto, é bom recordares essa pessoa dessa forma, com esse sorriso ! *.*

    ResponderEliminar
  2. Eu estou a gostar, mas é tão longo. Parece que às vezes fico perdida.

    ResponderEliminar
  3. que queridoooo *
    eu também fui . se calhar até nos cruzamos :D
    e devo ir às festas da Barca :D

    ResponderEliminar
  4. É que a minha internet está sempre a falhar.
    Pois, é enorme.

    ResponderEliminar
  5. ohhh , e eu a pensar que era desta que conhecia alguém da blogosfera :)

    ResponderEliminar
  6. Tens sorte princesa, mas houve uma falha de rede por aqui.

    ResponderEliminar